EILD é corporativo, provedores querem “interligação”, descobre Anatel

“Os provedores nem sabem o que é EILD. Durante muito tempo, Anatel fez confusão sobre isso”, admite o superintendente de Competição da agência, Carlos Baigorri. Novo esforço é para queda nos preços de unbundling.

Provedores pedem ofertas de atacado para redes da telefonia móvel

“Poderíamos comprar enlaces de SMP. Com isso no SNOA, comprar no atacado e vender no varejo”, defendeu o presidente do Conselho da Abranet, Eduardo Parajo, durante debate sobre o sistema da Anatel de negociações de ofertas de atacado. Para agência, isso é tema da regulação de MVNO.

Anatel quer incluir empresas da Abrintel no Snoa com oferta para pequenos provedores

A Agência Nacional de Telecomunicações quer que Associação Brasileira de Infraestrutura para Telecomunicações sejam incluídas no Snoa e tenham um modelo de negócio que atenda às necessidades dos pequenos provedores de internet, que precisam de um espaço menor para ocupar nas torres. 

Novo RGC pode exigir adaptações nos softwares, mudanças de processos e treinamento de pessoal

A entrada em vigor do Regulamento Geral de Direitos do Consumidor de Serviços de Telecomunicações (RGC), em 8 de julho, trouxe facilidades para os consumidos, mas as novas regras podem dificultar a vida dos provedores. 

Comitê que vai definir futuro da internet tem dois brasileiros

Passado o evento NetMundial, agora representantes de grupos setoriais trabalham juntos para formar comitê que vai elaborar uma proposta para nortear a migração dos trabalhos da Iana, sigla em inglês para Autoridade para Designação de Números da Internet, para, ao que tudo indica, uma entidade multissetorial. 

Conexão para escolas: um nicho a ser explorado pelos provedores

Mesmo com a parceria público-privada entre governo e teles para o acesso à internet nas escolas públicas, o CETIC.br sustenta que os ISPs têm frentes de trabalho na oferta de serviços, principalmente os de valor agregado, para escolas privadas e localidades mais carentes de infraestrutura.

Provedor de Cerquilho Fasternet leva IPv6 para a casa do cliente

Desde janeiro deste ano, a Fasternet, provedor de acesso à internet que, atualmente, cobre 20 municípios do interior de São Paulo, trabalha para distribuir para seus clientes roteadores que suportam o novo padrão IPv6. Para ISP, cliente final desconhece o esgotamento dos endereços IPv4.



Copyright © 2014         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital