Parajo: Regulamentação do Marco Civil não pode confundir usuário

Para o presidente do Conselho da Abranet, o CGI.br precisa ter cuidado para não alimentar diferentes interpretações, particularmente no campo das exceções à neutralidade de rede. “Se tudo for exceção, virou regra”, afirmou.

20 anos de Internet: Dorian Guimarães conta como montou o primeiro ISP do Brasil

Uma das principais dificuldades no começo da Internet no País era conseguir linhas telefônicas em quantidade suficiente para atender aos clientes.

20 anos de Internet: Eduardo Parajo relembra como o iG mudou o mercado dos ISPs

Em entrevista em vídeo, em comemoração aos 20 anos da Internet comercial no Brasil, Eduardo Parajo relembra as barreiras enfrentadas pelos ISPs para começar a ofertar o serviço no País. E conta quais são os desafios atuais para o setor. 

Uso dos postes: Provedores cobram maior isonomia à Anatel

A vigência formal do acordo firmado com a Aneel (Agência Nacional do setor elétrico) começa em abril, mas na prática as agências já acertaram um procedimento expresso para os pedidos de mediação a partir das empresas de um ou outro setor. A GVT foi a primeira beneficiada e vai pagar R$ 3,19 pelo uso do poste da CELG.

Venda dos dados é ponto de atenção na regulamentação da guarda de logs

Quais empresas podem e devem guardar os logs de acesso por seis meses é um dos pontos a ser debatido na regulamentação do Marco Civil da Internet. Segundo especialistas,  o grande temor é o uso comercial dessas informações sem o consentimento prévio dos donos desses dados.

Regulamentação de neutralidade tem de focar apenas nas exceções

Em painel realizado na Campus Party, o relator da lei, o deputado federal (PT-RJ) Alessandro Molon salientou que é muito importante que o processo de regulamentação guarde o conceito de que se é exceção tem de ser pouco e raro. “Não podemos ter oito, dez exceções, porque senão vira regra. E a regra é a neutralidade de rede”, disse.

Neutralidade de rede vence nos EUA; ISPs são reclassificados como serviços de telecom

A Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em inglês), aprovou regras mais duras para assegurar a neutralidade de rede, tanto das redes fixas como móveis e enquadrou os serviços de provimento de acesso à banda larga no título II do Communications Act. 

REVISTA ABRANET - EDIÇÃO 11
Na discussão sobre o que vai prevalecer - fibra óptica ou rádio - na construção das infraestruturas, vence quem souber explorar o que cada tecnologia tem de melhor a oferecer.
Mais revistas
ARTIGO

O segundo extra que haverá em 30 de junho e seus impactos

Antonio Marcos Moreiras*

Entenda o que é leap second e os problemas que este segundo a mais pode causar

PRESS RELEASE


Copyright © 2014         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital