NOTÍCIAS
Após contribuição da Abranet, GSI diz que vai mudar texto de plano de cibersegurança
Por: Redação da Abranet - 25/10/2019

Após receber contribuição (clique aqui) da Associação Brasileira de Internet (Abranet), o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) informou que vai rever os três pontos críticos levantados pela entidade sobre a Estratégia Nacional de Segurança Cibernética, chamada de E-Ciber, que está sendo elaborada pelo governo federal.

A decisão foi destaque em matéria do jornal Folha de S. Paulo. A E-Ciber é um conjunto de recomendações e orientações para os setores público e privado sobre segurança de informação em ambientes virtuais, deverá ser efetivada por meio de um decreto presidencial, ainda sem data definida. 

Em sua contribuição à onsulta pública a respeito da Estratégia Nacional de Segurança Cibernética (E-Ciber), promovida pelo GSI, a Abranet manifestou preocupação com o trecho que menciona “o estabelecimento de rotina de auditorias programadas em segurança cibernética dentro dos órgãos públicos e das entidades privadas”, a fim de analisar “vulnerabilidades, relatórios técnicos de ameaças e relação de soluções em tecnologia”, entre outros tópicos.

A Abranet também contestou que o mercado de meios de pagamento possa ser considerado parte do SFN (Sistema Financeiro Nacional) e, em consequência disso, ser qualificado como IFC (Infraestrutura Crítica), a exemplo de grandes servidores, pontos de troca de tráfego e datacenters. Outro ponto levantado foi em relação ao tratamento, de forma genérica, a uma ampla revisão do Marco Civil da Internet, para endereçar questões relacionadas à governança da rede, negócios eletrônicos, crimes cibernéticos e direitos do consumidor na Internet.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:
20/02/2020
11/02/2020
07/02/2020
04/02/2020
30/01/2020
29/01/2020
28/01/2020
24/01/2020
10/01/2020
07/01/2020


Copyright © 2014-2020         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital