Publicada em: 25/11/2016 às 13:00
Notícias


BNDES vai financiar banda larga em regiões carentes de investimentos
Luiz Osvaldo Grossmann*

O BNDES vai lançar no próximo mês uma linha de financiamento especial para estimular a implantação de infraestrutura de banda larga fixa e móvel em regiões carentes do país e levar essa infra para as escolas e postos de saúde públicos. A informação foi passada pela chefe do departamento de TICs do banco, Irecê Kauss. A previsão é reservar pelo menos R$ 1 bilhão para essa nova linha de financiamento, a serem usados em um período de três anos. “Será o financiamento mais nobre do banco, com a melhor taxa de juros que tivermos. No mínimo, TJLP”, informou a executiva, que participou do Painel Telebrasil 2016, realizado esta semana em Brasília.

O financiamento será para a aquisição de máquinas e equipamentos e produtos de infraestrutura para a construção de redes de banda larga. Mas Irecê avisa que o banco não vai aceitar “qualquer banda larga”. O projeto “Conectividade Inclusiva” irá definir as velocidades de banda larga que deverão resultar das redes construídas com esses recursos. Ela disse que, no caso da rede móvel, o banco deverá estabelecer a tecnologia 4G como padrão e, no caso da banda larga fixa, as velocidades deverão ser entre 10 Mbps e 50 Mbps.

Os recursos, explica a executiva do BNDES, poderão ser captados por operadoras de qualquer porte e estarão também direcionados para os pequenos operadores, que sofrem com a exigência de garantias, nem sempre existentes. Assistam a entrevista feita pelo portal Convergência Digital com Irecê Kauss.


Powered by Publique!