NOTÍCIAS
Banda larga fixa: empresas de Internet superam concessionárias e fecham março com 10,582 milhões de acessos ativos
Por: Da Redação da Abranet - 30/04/2020

Os acessos de banda larga fixa fecharam março em 32,998 milhões, mas a venda foi atingida pela pandemia de Covid-19, já que foi registrada uma queda de 0,5% em relação a fevereiro. Mas, no comparativo de 12 meses, a base do serviço cresceu 3,7%, conforme dados divulgados pela Anatel.

As prestadoras de serviços de internet- classificadas como provedores de pequeno porte (PPPs) pela Anatel - fecharam março com 10,582 milhões de contratos ativos, com o registro de um recuo de 1,1% em relação a fevereiro. Mas, em 12 meses, o número é significativo já que teve um impulso de 29,5%, mas ainda há a possibilidade de ser maior, já que há subnotificação das informações.

Os provedores de Internet tiveram 6,762 milhões de acessos habilitados via fibra ótica, em alta de 1,1%. O montante corresponde a 63,9% dos acessos fornecidos pelas empresas regionais e 59,6% de todos os contratos em fibra ótica existentes no País. Entre as grandes empresas, a Claro encerrou março com 9,680 milhões de contratos ativos, ou alta mensal de 0,5% após 43,7 mil adições líquidas. Em um ano, a evolução da base da empresa é de 2,5%.

A Vivo encerrou o terceiro mês de 2020 com 6,857 milhões de clientes, em queda mensal de 0,7% que correspondeu a saldo negativo de 46,6 mil acessos. Em um ano, o recuo na base é de 8,7%. A operadora possui 2,767 milhões de clientes usando fibra ótica. A Oi fechou o terceiro mês do ano com 5.048 milhões de clientes, com recuo de 0,8% na base. A operadora, porém, cehgou a 1,266 milhão de acessos de fibra em março.

A TIM encerrou março com 601,9 mil contratos após 6,3 mil adições (aumento mensal de 1,1%). Em um ano, a base da empresa cresceu 19,6%. Do total, 211,9 mil são contratos habilitados pela fibra ótica; no terceiro mês do ano, houve 10,3 mil adições líquidas, ou salto de 5,1%.

A fibra ótica tem sido impulsionadora da banda larga fibra e os dados da Anatel comprovam, uma vez que em março o montante chegou a 11,29 milhões, um crescimento de 2,3%. No comparativo de 12 meses, o percentual é ainda mais significativo já que o avanço chega a 70,4%. A tecnologia xDSL ficou em 9,433 milhões e perdeu vez para o cabo coaxial, com 9,639 milhões. Os acessos via rádio representam 2,078 milhões, mas também estão em queda. Em março a redução ficou em 5,8%.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:
14/07/2020
25/06/2020
29/05/2020
29/05/2020
28/05/2020
26/05/2020
25/05/2020
18/05/2020
12/05/2020
12/05/2020


Copyright © 2014-2020         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital