Publicada em: 05/05/2020 às 08:46
Notícias


CDNs ganham relevância durante pandemia da Covid-19
Redação da Abranet

As rede de distribuição de conteúdo (CDNs, do inglês content deliverys network) ganharam relevância durante a pandemia causada pelo novo coronavírus, devido ao aumento de streaming de vídeos. Foi o que apontou a Deloitte, em documento divulgado pela União Internacional de Telecomunicações, ao revisar as tendências para os mercados de tecnologia, mídia e telecomunicações para 2020. 

De acordo com Duncan Stewart, diretor de pesquisa da Deloitte, esta foi a primeira vez que as previsões foram alteradas no meio do ano; e isto ocorreu devido aos impactos da Covid-19. O report foi inicialmente publicado em 10 de dezembro de 2020 e teve revisto cinco pontos: declínio nas vendas de smartphones; queda nos chips para ponta (edge) de inteligência artificial; aumento de redes privadas de 5G; crescimento dos satélites de órbita baixa; e CDNs crescendo rapidamente.

As mudanças devem-se à combinação da pandemia de Covid-19, isolamento social, teletrabalho, estudo em casa, interrupções em cadeias de suprimento e contrações econômicas.

No que se refere às CDNs, a Deloitte apontou que os vídeos em streaming estão sendo executados relativamente bem nas redes globais de telecomunicações até o momento, mas provavelmente será necessário a ajuda das redes de entrega de conteúdo (CDNs). Originalmente, a previsão era de um mercado 25% maior chegando a US$ 14 bilhões e agora a Deloitte projeta para o ano crescimento na casa dos 30% a 40%, alcançando US$ 15,5 bilhões.


Powered by Publique!