NOTÍCIAS
Cemig e CPqD desenvolvem rede que integra cabos elétricos e fibra ópticas
Por: Redação Abranet - 07/03/2017

A Cemig, em parceria com o CPqD, desenvolveu uma rede sinérgica experimental inédita com capacidade de transmissão simultânea de energia elétrica e comunicação de dados em banda larga. A rede usa cabos condutores especiais integrados que trazem fibras ópticas em seu núcleo. O projeto piloto da nova tecnologia, que, segundo ambas as empresas, é inédita no mundo, está funcionando em escala real na UniverCemig, em Sete Lagoas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

A iniciativa é resultado de um projeto desenvolvido com recursos da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), em colaboração com o CPqD e com o apoio da CemigTelecom e da indústria nacional especializada (Furukawa, Balestro e Workeletro).

De acordo com as empresas, a intenção do projeto é diminuir a quantidade de cabos de comunicação de dados nos postes da distribuidora de energia, que é proprietária de grande parte do posteamento no estado de Minas Gerais. A empresa possui convênio de compartilhamento dessas estruturas com as operadoras de telefonia, internet e TV a cabo, que possuem, cada uma, cabeamento próprio que se acumula nos postes, principalmente nos grandes centros urbanos.

Em nota, Carlos Alexandre Meireles Nascimento, engenheiro de tecnologia e normatização da Cemig e um dos desenvolvedores dessa tecnologia, destacou que a rede sinérgica em operação na UniverCemig tem uma configuração muito próxima a da solução industrial desejada, porque os protótipos são bem próximos a uma aplicação comercial. A etapa final será padronizar a solução tecnológica nas áreas de engenharia, planejamento, projeto e construção de redes da Cemig. De acordo com Nascimento, este projeto pode diminuir a poluição visual e proporcionar maior segurança para os consumidores.  

Para o CPqD, esse é um projeto importante pelo caráter inovador e também por ter envolvido os vários interessados no desenvolvimento dessa nova tecnologia. Claudio Antonio Hortencio, pesquisador do CPqD que participou do projeto, explica que o conceito de redes sinérgicas é uma inovação que, no Brasil, se transformou em realidade graças a uma iniciativa destinada a atender uma necessidade de mercado.

O conceito de rede sinérgica é derivado do significado da palavra “sinergia”, ou seja, quando se tem a associação ao mesmo tempo de vários dispositivos executores de determinadas funções que contribuem para uma ação coordenada. A ideia das redes sinérgicas surgiu a partir da experiência da Cemig com smart grid (redes inteligentes), em que a fibra óptica é o melhor meio de transmissão de dados em banda larga para atender os requisitos de comunicação de dados das futuras redes de distribuição de energia da companhia.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:
03/10/2017
18/09/2017
11/09/2017
29/08/2017
16/08/2017
14/08/2017
11/08/2017
09/08/2017
02/08/2017
24/07/2017
EDIÇÃO 22
set/nov 2017
Reforma trabalhista: impactos para os ISPs. Conheça o novo cenário e saiba o que muda para as empresas de Internet. E mais: Os robôs chegaram pra valer; A incerteza dos 450 MHz; TIC Educação: o papel dos provedores.
VEJA MAIS EDIÇÕES


Copyright © 2017         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital