NOTÍCIAS
Crianças e adolescentes puxam massificação do acesso à internet
Por: Por Luis Osvaldo Grossmann* - 18/09/2018

Dados divulgados nesta terça-feira, 18/9, pelo Cetic.br, braço de pesquisas do NIC.br, indicam que entre os brasileiros de 9 a 17 anos, o acesso à Internet chega a 85%, bem acima dos 67% quando considerada a população em geral. A diferença é mais significativa entre os mais pobres. Nas classes A e B há uma relação quase direta entre o acesso da população como um todo, em que a proporção passa de 92% conectados, com aqueles entre 9 e 17 anos, grupo em que o percentual vai a 98%. Na classe C, o acesso é de 74% no geral e de 93% entre crianças e adolescentes. Já nas classes D e E, se apenas 42% estão conectados em geral, a proporção vai a 70% no corte entre os mais jovens.

É certo que a pesquisa TIC Kids Online foca em um grupo de 24,7 milhões de brasileirinhos, enquanto a versão mais abrangente, a TIC Domicílios, alcança 120 milhões de pessoas que afirmam estarem conectadas à internet. Mas números como os apresentados pelo Cetic.br sugerem que o fosso é melhor explicado por questões geracionais – as taxas de conectividade tendem a decrescer entre quem tem mais de 45 anos – e especialmente geográficas.

“O que a gente percebe ao longo dos últimos três anos é uma tendência de crescimento no percentual da população usuária de internet, chegando a 85% da população de 9 a 17 anos. Mas quando a gente detalha como está constituída essa população, notamos ainda algumas desigualdades importantes. Enquanto 90% delas têm acesso nas áreas urbanas, são somente 63% nas áreas rurais. O que mostra que ainda há de fato um desafio para conectividade básica, para a chegada do acesso à internet”, avalia o coordenador de projetos e pesquisas do Cetic.br, Fabio Senne.

Na questão da conectividade, a pesquisa evidencia a importância fundamental das redes fixas. Entre os brasileiros de 9 a 17 anos, 93% se valem do celular, 89% acessam a internet em casa e 84% utilizam redes Wi-Fi para se conectar, enquanto 49% podem contar com acesso por redes móveis 3G ou 4G. A conexão nas instituições de ensino também tem seu destaque, uma vez que 30% das crianças e adolescentes entrevistados afirmaram usar a internet das escolas.

No geral, o quadro sugere que a massificação do acesso avança mais rapidamente entre o público da TIC Kids Online. “Temos ainda um terço da população que não usa a internet. E são justamente os brasileiros de classes menos favorecidas e maiores de 45 anos, em regiões rurais e estados do Norte e Nordeste onde ocorrem as maiores disparidades. Mas os jovens são majoritariamente usuários de internet. As crianças, independentemente da condição dos pais serem usuários ou não, estão usando a internet”, conclui o gerente do Cetic.br, Alexandre Barbosa.

Informação

O estudo mostra ainda que 51% dos brasileiros entre 9 e 17 anos se valem da rede para se informar. Em 2013, eram 34%. Também aponta que os mais jovens costumam se valer da rede para conversar com pessoas de outras cidades, países ou culturas (40%) ou para participar de grupos de interesse (36%).Entre esse público, 28% buscam informações sobre saúde e 22% sobre o que acontece na sua comunidade. Além disso, 12% das crianças e adolescentes conectados conversam na internet sobre política ou problemas da cidade ou país, e 4% participam de campanhas ou protestos na rede.

No mais, as práticas comuns são conhecidas, com predominância de atividades ligadas à comunicação e ao entretenimento, entre elas: enviar mensagens instantâneas (79%), assistir a vídeos on-line (77%), ouvir música (75%) e usar redes sociais (73%). Outra atividade comum é realizar pesquisas, seja para trabalhos escolares (76%), ou por curiosidade e vontade própria (64%).

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:
14/11/2018
08/11/2018
06/11/2018
05/11/2018
29/10/2018
22/10/2018
01/10/2018
28/09/2018
26/09/2018
18/09/2018
EDIÇÃO 25
agosto-outubro 2018
Ordenar o uso e organizar o compartilhamento das infraestruturas aérea e terrestre são medidas imperativas para as empresas de energia, telecomunicações e de internet. E muito mais...
VEJA MAIS EDIÇÕES


Copyright © 2018         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital