NOTÍCIAS
Governo define 300 cidades para iniciar Internet para Todos até o fim de janeiro
Por: Redação - 15/01/2018

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) vai definir ainda em janeiro as primeiras 300 localidades que serão conectadas pelo programa Internet para Todos. O anúncio foi feito pelo ministro Gilberto Kassab, durante a apresentação da iniciativa no interior de São Paulo na sexta-feira 12,01. 

O Internet para Todos é uma iniciativa do MCTIC que vai levar conexão em banda larga para milhares de localidades de todo o país a preços reduzidos. O objetivo é democratizar o acesso à internet buscando a inclusão social. “Hoje, 70% dos brasileiros acessam a internet regularmente, enquanto 30% não tem acesso à rede, o que dá 60 milhões de pessoas. Desse total, pelo menos 20 milhões são pessoas que tem um celular, mas não podem usá-lo onde moram e serão beneficiadas diretamente por esse programa”, destacou o ministro.

As cidades beneficiadas recebem uma antena e serão conectadas pelo Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações (SGDC), lançado em maio de 2017, e pelo programa Governo Eletrônico - Serviço de Atendimento ao Cidadão (Gesac). O ministro também destacou as parcerias do MCTIC com outras pastas que vão permitir o uso da banda larga para o monitoramento de fronteiras e a conexão de equipamentos públicos de educação e saúde.

“Firmamos um convênio com o Ministério da Defesa e separamos 30% da capacidade do equipamento, o que vai permitir o monitoramento de 100% das fronteiras do país. Uma parceria com o Ministério da Educação vai levar banda larga a 7 mil escolas públicas só em 2018. Também estamos finalizando um convênio com o Ministério da Saúde para colocar internet em 100% dos equipamentos de saúde do país, o que vai melhorar a qualidade do atendimento”, listou Gilberto Kassab.

Para dar cumprimento a agenda, estão abertas as inscrições para as empresas interessadas em participar do programa. As companhias precisam encaminhar um documento à Secretaria de Telecomunicações do MCTIC (Setel), indicando uma localidade, demonstrar capacidade para atendê-la e apresentar proposta de velocidades, cronograma, estimativa de preço, tecnologia e serviço a ser ofertado, além de comprovar que possui os requisitos previstos pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) para a prestação do Serviço de Comunicação Multimídia.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:
22/02/2018
21/02/2018
19/02/2018
16/02/2018
15/02/2018
08/02/2018
05/02/2018
02/02/2018
01/02/2018
31/01/2018
EDIÇÃO 23
dez 2017 - jan/fev 2018
Qual é a fórmula do sucesso? Boas práticas aplicadas por corporações bem-sucedidas sugerem um caminho a seguir. Entrevista com Tadao Takahashi. Discussão sobre a lei de proteção de dados avança. Futurecom: Mais conectividade, mais oportunidades.
VEJA MAIS EDIÇÕES


Copyright © 2017         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital