Publicada em: 15/05/2015 às 14:11
Notícias


Internet rural é oportunidade para ISP, mas falta política pública
Roberta Prescott

O provimento de acesso à Internet na área rural continua sendo um desafio, tanto pelas dificuldades técnicas, quanto econômicas. Além disto, para Eduardo Neger, da NEGER Telecom e diretor da Abranet, o Brasil ainda carece de uma política pública uniforme e que atenda ao País todo.

“Atender a usuários que estão dispersos sempre foi uma tarefa bastante complicada, principalmente, para as operadoras que trabalham com grandes escalas de clientes”, disse Neger, em entrevista, durante a 1ª Conferência Abranet, realizada em São Paulo nos dias 13 e 14 de maio.

Historicamente, a Internet rural ocorre via satélite, que é uma aplicação cara e que tem limites de desempenho; via celular e via rádio, este último que acaba sendo uma opção viável. Neger afirma que o que pode ser um problema para os usuários representa também uma oportunidade para os provedores locais, porque eles têm perfil de clientes que tem uma demanda forte para Internet em uma área onde a competição e a massificação é pequena. “É um nicho muito bom.”

Na entrevista em vídeo, Neger comentou ainda sobre  os desafios de se montar um provedor para atender as áreas rurais e sobre como pessoas têm comprado antenas para montar redes domésticas de telefonia celular a fim de conseguir sinal e obter acesso à Internet.


Powered by Publique!