NOTÍCIAS
Parcerias com publicidade móvel garantem novas receitas para ISPs
Por: Roberta Prescott - 02/02/2017

A rede de varejo Magazine Luiza voltou a ofertar acesso à internet sem fio gratuito em aeroportos selecionados. A companhia contratou a empresa de publicidade móvel Hands para implantar o projeto. Sem revelar investimentos na ação, a varejista afirmou que não existe expectativa de retorno financeiro, sendo uma ação de branding, para reforçar a marca. O nome do Magazine Luiza e a logo aparecem na ação, que tem duração de três meses e objetivo de propagandear a varejista como loja virtual.

Em entrevista, o CEO da Hands, João Carvalho, explicou que a empresa possui parceria com diversos fornecedores de redes Wi-Fi, tendo acesso a cerca de 2,5 milhões de pontos (hotspots) no Brasil. Carvalho explica que contrato com os provedores normalmente é feito com base de divisão de receita (revenue share) e a parceria representa uma alternativa de nova fonte de renda para os ISPs. Ele, no entanto, não deu estimativas de valores.

Carvalho enfatiza que a ação não tem custo para os donos das redes, uma vez que a Hands desenvolveu uma tecnologia que é embarcada na rede dos provedores parceiros de internet sem fio, criando um SSID para oferecer serviços de publicidade móvel e ações como a do Magazine Luiza. “Atuamos como rede, plugados em diversos players e provedores que podem inclusive trabalhar de forma combinada”, diz Carvalho. Além do Magazine, a empresa já foi contratada por Citroen, Expedia e Skol.

A aceitação deste tipo de projeto tem sido boa, diz ele. “Dados da Nielsen de 2016 apontam que 56% dos acessos à internet móvel no Brasil são feitos por meio de Wi-Fi. Como passamos grande parte do tempo em movimento, boa parte destes acessos é feito em locais públicos por meio de redes abertas. Neste caso conseguimos engajar o público no local certo e dando um benefício claro, o acesso.”

Caso do Magazine  

Na primeira edição da ação, em meados de 2016, o Magazine Luiza afirma que conectou cerca de cem mil pessoas em terminais aéreos pelo País. O projeto está em linha com a estratégia de digitalização da marca, tanto que a varejista oferece 10% de desconto em compras por meio do aplicativo para quem baixar o app usando o Wi-Fi dos aeroportos.  

Em nota, a empresa justifica que a primeira edição da ação foi muito bem recebida pelos usuários, que acabaram virando fãs da marca. O Magazine Luiza espera, com a segunda edição, atender ainda mais pessoas. A área digital é cada vez mais importante para o Magazine Luiza. O e-commerce da varejista responde atualmente por 25% das vendas da empresa e seu aplicativo móvel, lançado em setembro de 2015, conta com 4,2 milhões de downloads.

O serviço de conexão vale para quem estiver esperando por voo nos aeroportos de Congonhas (SP), Fortaleza, Santos Dumont (RJ), Recife, Salvador, Florianópolis e Porto Alegre.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:
08/02/2018
01/02/2018
30/01/2018
19/01/2018
15/01/2018
15/01/2018
11/01/2018
06/12/2017
04/12/2017
03/10/2017
EDIÇÃO 23
dez 2017 - jan/fev 2018
Qual é a fórmula do sucesso? Boas práticas aplicadas por corporações bem-sucedidas sugerem um caminho a seguir. Entrevista com Tadao Takahashi. Discussão sobre a lei de proteção de dados avança. Futurecom: Mais conectividade, mais oportunidades.
VEJA MAIS EDIÇÕES


Copyright © 2017         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital