Publicada em: 26/02/2018 às 09:12
Notícias


Preço barra contratação de TV paga
Redação

Mais da metade dos domicílios sem TV por assinatura entrevistados para a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua) TIC 2016, cujos dados foram revelados dia 21/2, não contratavam o serviço por causa do preço. Dos domicílios, 55,5% afirmaram que não o tinham TV paga por considerá-la cara. O segundo motivo mais indicado foi de não haver interesse (39,8%). Somente 2,3% desses domicílios não possuíam o serviço por não estar disponível na área do domicílio.

O serviço de televisão por assinatura era utilizado em 33,7% dos domicílios com televisão. As maiores diferenças estão entre as grandes regiões: Nordeste (18,4%) e a Norte (21,0%), que apresentaram os menores percentuais, e Sudeste (44,8%), que alcançou o maior.

Do total de 69,3 milhões de domicílios, somente 2,8% não dispunham de televisão. Os aparelhos de tubo catódico, que deixaram de ser fabricadas no País, estavam presentes em 46,2% dos domicílios, variando de 41,1% no Sudeste a 54,3% no Nordeste.

Os domicílios com televisão com recepção por antena parabólica abrangiam 34,8% dos domicílios com televisão.


Powered by Publique!