NOTÍCIAS
Prestadores de Internet vão poder usar dinheiro do BNDES para comprar fibra óptica
Por: Ana Paula Lobo - 04/12/2018

O programa BNDES Direto 10 - sucessor do conhecido Prosoft que beneficiou mais de 150 empresas de software -vai ser reativado pelo banco de fomento do governo no primeiro trimestre de 2019. Expectativa é que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES) disponibilize pelo menos R$ 100 milhões para a nova linha. "A iniciativa já foi aprovada em diretoria. Está em fase de ajustes finais", conta o chefe do Departamento de Tecnologia da Informação e Comunicação do BNDES, Ricardo Rivera, que participou do evento de final de ano da ABES (Associação Brasileira das Empresas de Software), em São Paulo.

O executivo do BNDES explica que os ajustes são necessários porque os recursos não serão voltados apenas para as empresas de software. Eles também serão direcionados para outras verticais, como editoras e indústrias farmacêuticas. Os recursos a serem distribuídos ficam entre R$ 1 milhão e R$ 10 milhões. E o principal diferencial, promete, é a ausência da exigência de garantias reais, um agravante para as empresas de software e também para os prestadores de Internet.

"Quem não apresentar garantia poderá pegar 30% do montante disponibilizado. Os outros 70% serão monitorados para que a companhia implante governança e possa, ao final, restituir os valores", observa Rivera. O executivo adianta ainda que os prestadores Internet poderão usar até 60% dos recursos para a compra de fibra óptica. Os 40% restantes serão para a aquisição de equipamentos de tecnologia nacional. "Nesse modelo nós estamos bem próximos da linha já disponibilizada pela FINEP. Queremos impulsionar a infraestrutura e não apenas a fibra óptica na última milha", salienta.

Rivera minimizou ainda as críticas feitas ao extinto Prosoft. "O programa beneficiou mais de 150 empresas. O redesenho dele vai permitir abrigar ainda mais o mercado de software". No evento da ABES, o diretor de Inovação da FINEP, Marcio Girão, também antecipou que a instituição vai lançar, ainda em dezembro, uma nova linha de fomento ao software direcionada à digitalização. Serão R$ 500 milhões disponibilizados para os próximos três anos.

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:
12/12/2018
12/12/2018
11/12/2018
07/12/2018
05/12/2018
04/12/2018
29/10/2018
25/10/2018
16/10/2018
08/10/2018
EDIÇÃO 26
nov-dez 2018 / jan 2019
Estudo da Abranet revela a existência de um universo díspar entre os prestadores, o que impõe desafios à regulamentação mínima necessária para manter o mercado estruturado e o limite aceitável para a sobrevivência das empresas.
E muito mais...
VEJA MAIS EDIÇÕES


Copyright © 2018         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital