NOTÍCIAS
Transformar é um custo que impõe um esforço cotidiano aos empreendedores
Por: Por Roberta Prescott* - 23/04/2018

Panta rei. Esta expressão em grego foi repetida por algumas vezes, na palestra do professor e historiador, Leandro Karnal, na Convenção Abranet, realizada de 17 a 20 de abril, na Bahia. Ele usou o conceito atribuído ao filósofo Heráclito por Platão, que esquematiza sua opinião de que tudo está em constante mudança, para chamar a atenção dos empresários de internet que tudo está em  constante transformação. Panta rei significa que, se eu ficar parado, o mundo está andando à minha frente; estamos em fluxo contínuo, em um mundo que flui, que passa rapidamente.

"O mundo que nos dá origem hoje tem uma década, é muito recente", disse, dando como exemplos os tradicionais cases como o do Uber (empresa de transporte sem carro) e do Airbnb. Karnal também usou o conceito de mundo líquido, de Z.Bauman, para instigar a audiência a pensar em como se manter à frente em um mundo no qual as referências foram diluídas, como manter o protagonismo neste cenário?, questionou.

"A figura do empreendedor é muito mais necessária hoje", disse, destacando que a importância do planejamento para o empreendedorismo. "Onde estarei daqui a um, dois anos vai depender de uma série de tomadas de decisões de agora", ressaltou. Em sua fala, Karnal voltou às origens do Brasil e dos Estados Unidos para comparar a formação de cada um dos países e explicar a cultura por trás do empreendedorismo — ou a falta da valorização dela no Brasil. "Tradição brasileira é pensar no estado, esperar tudo do estado, reclamar do estado apesar do estado sistematicamente não atender às demandas."

Ao entrar mais no tema de empreendedorismo, o historiador ressaltou a necessidade de as pessoas se perguntarem  o que realmente desejam e aonde querem chegar. "O que eu tenho como meta? Quase todos se consideram empreendedor, mas não têm noção exata de como produzir as coisas. E quem não tem clareza do que quer vai ser castigado sempre da mesma forma", disse.

Karnal também chamou a atenção para a importância da estratégia. "Ninguém tem alguma ideia do que será o futuro, ele não é previsível, mas podemos atenuar as variantes ao construir estratégias e tomar decisões", ressaltou, acrescentando que todos têm de ter capacidade de aprender com os erros. "Se o erro não for fatal, tenho de voltar, aprender e fazer de novo."

Para Karnal, ficar na zona de conforto é um dos principais perigos que levam à derrota seja de um negócio ou dos casamentos. "O custo de toda transformação é um esforço cotidiano. É como banho: se parar hoje, amanhã fede. A única chance de vitória é capacidade de fazer esforço todos os dias, não adianta o que fizeram no passado, o mercado só tem futuro", destacou, lembrando que ter resiliência e coragem para mudar, para ousar e sair de onde está seguro, além de saber administrar bem o tempo são fatores cruciais para o sucesso.  

*Roberta Prescott participou da Convenção Abranet 2018, na Bahia

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:
23/04/2018
23/04/2018
23/04/2018
23/04/2018
19/04/2018
19/04/2018
18/04/2018
18/04/2018
EDIÇÃO 25
agosto-outubro 2018
Ordenar o uso e organizar o compartilhamento das infraestruturas aérea e terrestre são medidas imperativas para as empresas de energia, telecomunicações e de internet. E muito mais...
VEJA MAIS EDIÇÕES


Copyright © 2018         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital