NOTÍCIAS
Disputa por fibra ótica aumenta fusão e aquisição na Internet
Por: Redação da Abranet - 10/05/2021

O aquecimento do mercado de fibra ótica tem movimentado o número de fusões e aquisições, além de investimentos externos. No último sábado 8/5, a Algar TIC, subsidiária da Algar Soluções a compra da Vogel Telecom por R$ 600 milhões.

A transação é mais uma peça no xadrez do mercado de infraestrutura de última milha que está sendo jogado no mercado nacional, uma vez que a Vogel é 100% dedicada ao mercado de empresas de atacado, com oferta de serviços de conectividade de alta capacidade e conta com um rede de perto de 27 mil km de fibra óptica em cidades e regiões que concentram potencial de consumo em telecom e TI.A Vogel tem presença em 150 cidades de 13 Estados e Distrito Federal. 

A aquisição poderá ser de no mínimo 85,2% das ações ao máximo de 100% pelo capital social. No fato relevante, a Algar Telecom informou que “a aquisição está alinhada à estratégia de crescimento, que abrange sua expansão geográfica por meio da oferta de soluções integradas de Telecom e TI com foco no segmento B2B (micro e pequenas empresas – PMEs e clientes corporativos), que já representa mais de 60% de suas receitas”.

Além de novas áreas a serem servidas e uma rede que totalizará mais de 110 mil km de fibra ótica, a Algar receberá cerca de 3,4 mil clientes corporativos. A concretização da Transação está sujeita às condições precedentes normais nesse tipo de operação, incluindo as autorizações pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), além do não exercício do direito de preferência pelos atuais acionistas minoritários da controladora da Vogel.

Cenário da fibra ótica 

Na atualização do Plano Estrutural de Redes de Telecomunicações, pelo qual avalia a infraestrutura instalada no país e identifica as lacunas de conectividade, a Anatel apontou que a fibra óptica avança, chegando a 82,3% dos municípios do país (4.582), o que ajudou a elevar a velocidade média das conexões em banda larga para 76,6 Mbps. 

A agência identificou, no entanto, que a chegada da fibra nem sempre é acompanhada de todo o potencial dessa rede moderna. Embora as velocidades mais altas sejam regra na maioria dos municípios, em 2.029 deles as conexões ainda são, em geral, abaixo de 5 Mbps.  

Esteira de aquisições

A compra da Vogel ocorre depois de a Megatelecom adquirir a totalidade das ações da Migtel Telecomunicações, que opera com a marca Evo Telecom. A compra, por meio de sua controlada, Dialdata Telecomunicações, faz parte do plano de crescimento inorgânico da companhia, que busca incorporar  cinco a dez operadoras dentro de um prazo não divulgado pela empresa. O valor da aquisição não foi revelado pelas partes.

Em nota, Carlos Eduardo Sedeh, CEO da Megatelecom, destacou que essa primeira incorporação se encaixa perfeitamente no plano estratégico de consolidar a presença que a companhia ainda não tem no mercado médias e pequenas empresas, além de aumentar o número de prédios que contam com a infraestrutura da empresa.

As próximas compras serão, idealmente, no Estado de São Paulo e de operadoras que tenham receitas entre R$ 20 milhões e R$ 50 milhões ao ano, com preferência para aquelas que sejam líderes nos seus mercados de atuação, com rede própria em fibra óptica e base de clientes sólida e pulverizada. 

Enviar por e-mail   ...   Versão para impressão:
 

LEIA TAMBÉM:
17/06/2021
07/06/2021
01/06/2021
26/05/2021
12/05/2021
10/05/2021
13/04/2021
08/04/2021
30/03/2021
16/12/2020


Copyright © 2014-2020         Abranet - Associação Brasileira de Internet         Produzido e gerenciado por Editora Convergência Digital